Indústria

F1 rescinde contrato com GP da Rússia

Para 2023, prova seria transferida de Sochi para São Petersburgo

F1 rescinde contrato com GP da Rússia

03 de março de 2022

1 minutos de Leitura

Após ter cancelado o Grande Prêmio da Rússia de 2022 por conta da invasão da Rússia à Ucrânia, a Fórmula 1 anunciou a rescisão do contrato com o país. Desta maneira, os russos não receberão mais provas da categoria. O contrato era válido até 2025.

“A Fórmula 1 pode confirmar que rescindiu seu contrato com o promotor do Grande Prêmio da Rússia. Isso significa que a Rússia não terá mais uma corrida no futuro”, destacou o comunicado.

Em 2022, a prova russa estava marcada para o fim de semana de 23 a 25 de setembro em Sochi, cidade que era sede da corrida desde 2014.

Com a rescisão do acordo, a mudança de sede do GP no país também está cancelada. A partir de 2023, a prova seria realizada no circuito de Igora Drive, em São Petersburgo.

Compartilhe