Globo vence concorrência e vai transmitir Libertadores de 2023 a 2026

ESPN e Paramount vão exibir os jogos da competição em TV fechada e streaming, respectivamente

maio 12, 2022

A Rede Globo vai transmitir a Copa Libertadores de 2023 a 2026. A emissora carioca venceu a licitação da CONMEBOL. Já ESPN e Paramount vão exibir os jogos da competição em TV fechada e streaming. Os melhores momentos dos jogos ficaram com a plataforma OneFootball.

Vale lembrar que, com a fusão, a ESPN herdou do Fox Sports os direitos na TV fechada.

Com o acordo, o torneio volta à grade da TV Globo depois de três anos. A emissora deixou os direitos em 2020, quando todas as competições foram paralisadas pela pandemia e o canal decidiu rescindir seu acordo com a entidade.

“A TV Globo recebeu a confirmação da Conmebol de que foi a emissora escolhida para exibir a Libertadores, em acordo válido por quatro anos, de 2023 a 2026, com exclusividade na TV aberta no Brasil. Para nós, é uma grande satisfação celebrar novamente esta parceria. Construímos uma relação de quase três décadas com a Conmebol, exibindo a Libertadores desde 1993, e acreditamos que ajudamos a consolidar o sucesso da competição no Brasil, através de um alcance único e de uma alta qualidade reconhecida pelo público, não apenas na transmissão mas também na cobertura da competição”, destacou a emissora.

A licitação envolveu também os nove países da América do Sul que disputam os torneios da CONMEBOL, além de Guiana, Guiana Francesa, Suriname, América Central e as Ilhas do Caribe. Neste caso, a Paramount (Viacom) ganhou os direitos da Libertadores na TV aberta, a ESPN ficou com a transmissão na TV fechada, enquanto a OneFootball terá os melhores momentos.

O SBT, que perderá os direitos da Liberta para 2023, garantiu a Copa Sul-Americana pelo mesmo período na TV aberta. Na fechada, ESPN e Paramount também asseguraram esses direitos. Os melhores momentos também ficaram com o OneFootball.