‘Imparável’ fora das quadras, Raducanu fecha com HSBC

Jovem tenista tem fechado sucessivos acordos após vencer o US Open 2021

junho 16, 2022

A tenista Emma Raducanu assinou um contrato de quatro anos com o HSBC. O objetivo do acordo será educar os jovens sobre o mundo das finanças.

Trata-se de mais um grande acordo da britânica após vencer o US Open de 2021. Desde então, Raducanu fechou contratos com a Tiffany’s, a marca de água Evian, a montadora Porsche, a grife Dior, a também britânica de telecomunicações Vodafone e a transportadora British Airways.

O HSBC é o parceiro bancário oficial de Wimbledon, com ativações centradas no esquema de revenda de ingressos do Grand Slam. Raducanu, cujos pais trabalham no setor financeiro, disse que espera usar o vínculo para ajudar a educar os jovens em finanças.

“Fechar parceria com o HSBC é tão natural para mim, tendo crescido jogando no HSBC Road to Wimbledon e sendo cliente por muitos anos. Se eu não fosse uma jogadora de tênis, definitivamente gostaria de trabalhar em finanças, então estou animada para aprender mais sobre a indústria nos próximos anos. Estamos trabalhando em algumas ideias muito legais e estou particularmente ansiosa para trabalhar em iniciativas que ajudem os jovens com educação financeira”, destacou a tenista.

“O HSBC tem um relacionamento de longa data com Emma e sua família. Estamos muito orgulhosos dela e do que ela já conquistou em sua carreira profissional. Também acreditamos que existem maneiras realmente ótimas e inovadoras de trabalhar com ela para inspirar e educar os jovens, e é por isso que estamos muito satisfeitos por ter fechado essa nova parceria de longo prazo”, acrescentou Noel Quinn, executivo-chefe global do HSBC.