Indústria

Ministério público argentino investiga suspeita de manipulação em partida do Boca Jrs

As dúvidas do órgão focam na expulsão do zagueiro Milton Leyendeker, do Agropecuario, com apenas 8 minutos de jogo

Ministério público argentino investiga suspeita de manipulação em partida do Boca Jrs

20 de agosto de 2022

2 minutos de Leitura

A vitória do Boca Juniors sobre o Agropecuario, em jogo válido pela Copa da Argentina, está no centro de uma polêmica no futebol do país. Prova disso é que o Ministério Público de Buenos Aires abriu investigação para apurar suspeitas de manipulação de aposta no duelo.

As dúvidas do órgão focam na expulsão do zagueiro Milton Leyendeker, do Agropecuario, com apenas 8 minutos de jogo. Ele deu uma entrada violenta em Zeballos, que sofreu grave lesão no tornozelo e precisou submeter-se a uma cirurgia.

A abertura do inquérito foi anunciada no perfil oficial do MP de Buenos Aires no Twitter. A promotora Celsa Ramirez irá apurar se existiram apostas relativas a algum jogador do Agropecuário expulso antes de 10 minutos de bola rolando.

Com as fortes especulações sobre o fato, aliado à repercussão na mídia argentina, o MP decidiu abrir investigação.

De acordo com o portal Infobae, Leyendeker teria classificado as suspeitas como loucura.

“Vou deixar meu time com um a menos, jogando contra o Boca, em um jogo que todo mundo quer jogar?”, disse o atleta.

A sede do Agropecuario fica em Carlos Casares, cidade de pouco mais de 18 mil habitantes localizada no interior da província de Buenos Aires.

Compartilhe