Após atitude de Mbappé, Federação Francesa reavalia acordo de direitos de imagem

Jogador se recusou a participar de uma sessão de fotos de um parceiro da entidade e teve apoio dos demais atletas

setembro 21, 2022

A Federação Francesa de Futebol (FFF) irá reavaliar os acordos de direitos de imagem dos jogadores que são convocados para defender a seleção. O posicionamento adotado por Kylian Mbappé, que se recusou a participar de uma sessão de fotos de um patrocinador da entidade por não querer associar sua imagem a redes de fast-food ou plataformas de apostas, motivou o posicionamento da FFF.

“Decidi não participar da sessão de fotos após a recusa da Federação Francesa de alterar o acordo de direitos de imagem com os jogadores. Meus representantes e eu lamentamos profundamente que nenhum acordo tenha sido alcançado, como solicitado, antes da Copa do Mundo”, afirmou Mbappé, em um comunicado oficial.

Segundo a ESPN, o técnico da seleção francesa, Didier Deschamps, e diversos jogadores ficaram do lado de Mbappé, pressionando o presidente da entidade, Noel Le Graet, para que possam saber com antecedência sobre os patrocinadores da seleção nacional para evitar atritos com alguns de seus próprios parceiros.

O que se sabe é que todas as partes se reuniram e chegaram em um acordo. Mbappé, inclusive, participará das ações com o patrocinador que motivou toda a polêmica.

“Após discussões conclusivas na presença dos executivos da seleção francesa, do presidente, do treinador e de um gerente de marketing, a Federação Francesa de Futebol compromete-se a rever, com a maior brevidade possível, o acordo inerente aos direitos de imagem que a vincula com seus jogadores na seleção. A FFF tem o prazer de trabalhar nos esboços de um novo acordo, que permitirá garantir seus interesses, levando em consideração as preocupações e convicções legítimas expressas por unanimidade por seus jogadores”, anunciou a FFF.