Indústria

Washington Commanders deve ser vendido por R$ 30 bilhões, recorde na NFL

Josh Harris, dono do Philadelphia 76ers e sócio minoritário do Pittsburgh Steelers, está por trás do negócio

Washington Commanders deve ser vendido por R$ 30 bilhões, recorde na NFL

17 de abril de 2023

2 minutos de Leitura

O Washington Commanders, da NFL, está perto de ser vendido por US$ 6 bilhões, ou R$ 30 milhões. Dan Snyder, atual dono do time, e Josh Harris, bilionário investidor de private equity, encaminharam o acordo pela venda da franquia.

Magic Johnson, astro do basquete e pentacampeão da NBA, seria um dos acionistas do grupo de Harris.

Até aqui, o maior valor de venda de uma equipe da NFL foi de US$ 4.65 bilhões, quando o Denver Broncos, em 2022, foi negociado com o grupo Walton-Penner, liderado por Sam Walton, herdeiro do Walmart.

Josh Harris é dono do Philadelphia 76ers, da NBA, assim como do New Jersey Devils, da NHL. Na NFL, o empresário também é sócio minoritário do Pittsburgh Steelers.

Vale lembrar que a venda de qualquer franquia da NFL depende da aprovação de três quartos dos proprietários de equipes da categoria. Portanto, é necessário ter ao menos 24 de 32 votos possíveis, além do comitê de finanças da liga.

A previsão é de que os donos encontrem-se nos dias 22 e 23 de maio em Minneapolis.

Gestão marcada por escândalos

Com a venda dos Commanders cada vez mais próxima, a NFL pode começar a se distanciar de um capítulo doloroso em sua história. A gestão de Dan Snyder foi manchada por acusações de um local de trabalho tóxico, como acusações de agressão verbal, assédio e má conduta sexual, bem como sua incapacidade de garantir um novo estádio.

Ele comprou o time de Washington em 1999 por US$ 800 milhões.

Compartilhe