Atletas

Valentino Rossi é o novo embaixador da Yamaha

Piloto italiano, que correu 16 anos como piloto da equipe, ampliou vínculo com marca japonesa

Valentino Rossi é o novo embaixador da Yamaha

03 de maio de 2023

2 minutos de Leitura

Após 16 anos de parceria em corridas, Valentino Rossi, dono de nove títulos mundiais na motovelocidade, tornou-se embaixador da Yamaha.

“Com certeza esse acordo entre mim e a Yamaha dá uma grande emoção. Trabalhamos juntos por muitos anos no passado, então parece. Durante a minha carreira no MotoGP, pilotei motos Yamaha como parte do meu contrato”, disse o piloto.

“Mas mesmo depois de me aposentar, continuei usando motos Yamaha porque gosto. Estou feliz que o acordo agora está assinado, assim, Yamaha e eu podemos trabalhar juntos nesta nova configuração”, acrescentou.

A parceria com a empresa japonesa começou em 2004, com a vitória de Valentino Rossi no GP da África do Sul. Ao longo da carreira, o italiano conquistou 142 pódios, sendo 56 vitórias em provas e quatro títulos do Mundial de MotoGP (2004, 2005, 2008 e 2009).

“A Yamaha está muito orgulhosa de ter Valentino como seu embaixador, talvez ainda mais porque o desejo de se torná-lo, veio dele. Ter o selo de aprovação de um [piloto] nove vezes campeão mundial é a melhor recomendação que se pode ter como marca de motocicletas. É uma prova da qualidade do produto e da cultura da empresa ”, comentou Tetsu Ono, gerente geral da divisão de estratégia de motorsport da Yamaha.

Aposentadoria em 2021

Rossi deixou a MotoGP após a temporada 2021, mas expressou desejo de continuar pilotando motos da Yamaha para treinamento e lazer, o que acabou motivando a parceria mesmo longe das pistas.

“Estamos muito satisfeitos que Valentino Rossi, o Maior de todos dos Tempos no motociclismo, se sinta tão entusiasmado em pilotar os nossos veículos de duas rodas, e que ele esteja feliz em trabalhar em uma parceria estreita com a Yamaha novamente”, destacou Ono.

Pilotando motos da Yamaha, Rossi conquistou 142 pódios em 273 corridas (56 vitórias, 46 segundos lugares e 40 terceiras posições). Ele é o piloto que esteve mais tempo ativo no motociclismo. Rossi estreou em 1996 e se aposentou das pistas em 2021, competindo em 26 temporadas.

Pela Yamaha, Rossi disputou 16 temporadas, garantindo o maior número de pódios para a equipe na MotoGP. Ele completou 230 corridas consecutivas, sem se ausentar de nenhuma, desde sua estreia em 1996 no GP da Malásia até o GP de Mugello, em 2010.

Compartilhe