Indústria

Com mais de 50 livros, Fortaleza inaugura biblioteca para base

Projeto corrobora com diretrizes da agremiação em contribuir para formação de atletas também fora do esporte

Com mais de 50 livros, Fortaleza inaugura biblioteca para base
Foto: Karim Georges / Fortaleza EC

16 de junho de 2023

3 minutos de Leitura

O Fortaleza inaugurou um novo espaço no CT Ribamar Bezerra. Desde o final do mês de maio, o clube conta com uma biblioteca com mais de 50 livros, que reúnem biografia de ex-jogadores, histórias e ficção. O local, disponível para atletas e funcionários, foi criado com o objetivo de estimular a leitura nas dependências do Leão do Pici.

O entendimento do clube é de que os livros serão aliados para melhorar a concentração dos garotos da base no estudo e no campo. Realizado pelo Setor Psicossocial em parceria com o Departamento de Formação, o projeto reafirma uma das diretrizes das categorias de base do Leão do Pici, que é contribuir com a formação cível do atleta para além do âmbito esportivo.

Os livros mais procurados no CT envolvem o futebol, mas também há exemplares sobre outros esportes e estrelas internacionais, como Michael Jordan. Já na inauguração do espaço, alguns livros foram alugados pelo time Sub-17.

Anteriormente, o clube contava com curto acervo na sala da pedagogia e na academia. Agora os livros ficam disponíveis na biblioteca, com controle realizado gratuitamente pelo Setor Psicossocial.

Para colaborar com o espaço, basta realizar doações na recepção do Centro de Treinamento Ribamar Bezerra ou no Pici, indicando o local como destino.

“Esse projeto da biblioteca nasceu antes da sala de estudo quando eu ainda dava aula lá no deck para os meninos. Foi uma iniciativa mediante observação das aulas de reforço, em que percebi a necessidade de ampliarmos os assuntos e temas com os atletas, assim como deles possuírem mais recursos para complementar os estudos com leituras diversas para que possam ampliar seu conhecimento”, disse Michele Oliveira, pedagoga das Categorias de Base.

Projetos e investimentos

Para o clube, as categorias de base são uma das prioridades de desenvolvimento interno. O projeto envolve elementos como integração, capacitação de funcionários e uma sede moderna.

Dentre algumas das diretrizes seguidas nas categorias de base do Leão do Pici, destacam-se questões como trabalhar com indicadores de performance para além do resultado em campo, intensificar o ‘Projeto Fortaleza’ – com recursos para crescimento de jogadores talentosos –, e prosseguir com novas melhorias estruturais do CT Ribamar Bezerra a cada ano.

O centro de treinamentos conta com quatro campos oficiais e dois de apoio, além academia, sauna, fisioterapia, departamento médico e odontológico, pista, cozinha, lavanderia, refeitório e salas administrativas. Nos últimos anos, houve aumento do investimento em todos os setores de performance.

Na parte de fisioterapia, o clube adquiriu equipamentos de recovery pós-jogo, para recuperação física dos atletas. Já no setor de inteligência, o Fortaleza investiu em software de organização de dados, mapeamento de mercado e até recursos como drone e GPS.

Compartilhe