Mídia

Com direitos do Pan de Santiago 2023, COB terá 700 horas de transmissão

Comitê terá programação no Canal Olímpico e na plataforma do Time Brasil, no YouTube

Com direitos do Pan de Santiago 2023, COB terá 700 horas de transmissão

09 de agosto de 2023

2 minutos de Leitura

O Comitê Olímpico do Brasil (COB), que adquiriu os direitos de mídia dos Jogos Pan-Americanos de Santiago, deve utilizar de 3 a 8 canais para a transmissão do evento, que será disputado de 20 de outubro a 5 de novembro. Ao todo, a programação deve envolver 700 horas durante o período do Pan.

Os direitos foram adquiridos por US$ 1 milhão junto ao PanAm Sports, que gere a competição. Como nenhuma emissora, entre Tv fechada e aberta, comprou a transmissão, a entidade ficou com receio que o evento não tivesse visibilidade no Brasil.

As transmissões do Pan-Americano serão feitas de maneira simultânea pelo Canal Olímpico e pela plataforma do Time Brasil no YouTube. Esses direitos também foram cedidos à CazéTV. O investimento virá de cotas de patrocínio, divididos entre as três partes envolvidas.

Nos canais ligados ao COB haverá dois programas diários, com 2 horas de duração cada, comandados por uma dupla de apresentadores que ainda está sendo contratada. Os programas serão gravados em estúdio montado na Casa Brasil, espaço em Santiago que o COB irá montar para realizar ativações e eventos.

O primeiro programa será veiculado à tarde, com participação de atletas e treinadores que passarem pela Casa Brasil. À noite um programa trará um resumo do dia de competições, medalhas do Brasil e programação para o dia seguinte.

O COB irá enviar três equipes de reportagem para Santiago.

Compartilhe