Atletas

Atual campeão da F1, Verstappen consolida sua fortuna com outros investimentos

Fenômeno dentro as pistas, o jovem piloto demonstra entender a importância da alocação de recursos em diferentes tipos de ativos

Atual campeão da F1, Verstappen consolida sua fortuna com outros investimentos
Foto: divulgação

16 de outubro de 2023

2 minutos de Leitura

O tricampeão mundial de Fórmula 1, Max Verstappen, foi o piloto mais jovem a estrear na principal competição do automobilismo mundial e atualmente, aos 26 anos, já é o vigésimo segundo atleta mais bem pago do mundo.

Acostumado com as primeiras colocações, o piloto holandês segue os passos do lendário Michael Schumacher dentro e fora do circuito e já diversifica os seus negócios fora das pistas.

Com os lucros bem diversificados, os investimentos de Verstappen vão desde uma agência de viagens, até uma loja oficial no sul da Holanda. Além disso, Max possui sua marca pessoal, liderada por seu pai, empresário e ex-piloto, Jos Verstappen.

Os lucros de Verstappen

As principais fontes de renda de “Mad Max” são seus patrocinadores e seu salário como piloto da Red Bull. O holandês conta com a parceria da marca de bebidas energéticas, a desenvolvedora de videogames EA Sports, a rede de supermercados holandesa Jumbo e a plataforma de streaming Viaplay.

Apesar dos valores que os patrocinadores repassam a Verstappen ainda não terem sido revelados, apenas a empresa Jumbo paga cerca de 3 milhões por ano ao piloto, pela utilização da sua imagem.

Além disso, o atual campeão mundial é o condutor mais bem pago da Fórmula 1. O holandês ganha € 51,2 milhões por temporada em salário, longe dos € 32,6 milhões ganhos por Lewis Hamilton, o segundo mais bem pago.

Compartilhe