Indústria

Com arrecadação de quase R$ 1 bilhão, Corinthians projeta diminuição de sua dívida

Em momento delicado dentro das quatro linhas, clube possuirá o valor total de receitas maior do que de dívidas pela primeira vez

Com arrecadação de quase R$ 1 bilhão, Corinthians projeta diminuição de sua dívida
Foto: Marcos Ribolli

18 de outubro de 2023

2 minutos de Leitura

Com o balanço orçamentário revisado de 2023 projetando uma temporada no azul em R$ 20 milhões, o Corinthians terá uma arrecadação total perto de R$ 1 bilhão. Valor acima da dívida do clube, o recebimento representa um montante recorde.

De acordo com a previsão, os cofres do clube arrecadarão R$ 909 milhões de receita bruta neste ano, representando alguns milhões acima da dívida de R$ 892 milhões. A marca representa uma mudança significativa nos balanços anuais que o clube estava habituado, e inicia um processo de recuperação financeira.

No caso do Timão, a diminuição da dívida não significa que o clube negociou suas pendências, mas que suas receitas recentes aumentaram. Representando certo avanço, a arrecadação mais do que dobrou na gestão de Duilio Monteiro Alves, porém a dívida permanece preocupante, apenas 6,1% menor do que quando o presidente assumiu, em 2021.

Só de juros o clube deverá arcar com R$ 131 milhões anuais, o equivalente a 13% de tudo o que o clube recebeu em 2023. As receitas recém divulgadas não servem para quitar as pendências, mas apenas para impedir que ela cresça ainda mais.

Como ilustração, no final do mandato de Andrés Sanchez, em 2020, a dívida do Corinthians era o dobro do que o clube havia arrecadado naquela temporada.

Orçamento corinthiano

Todos os valores referentes a 2023 representam uma projeção. Os números precisos sobre a atual temporada serão divulgados apenas em março de 2024, no balanço financeiro final.

No montante arrecadado, já estão descontados os R$ 46 milhões. O valor equivale a 50% da arrecadação com bilheteria neste ano, e que será dedicado exclusivamente ao pagamento do financiamento da Neo Química Arena.

A receita de 2023 (R$ 909 milhões) representa um recorde na história do clube e se encontra acima do que o clube projetava no orçamento original (R$ 822 milhões). Entretanto, as despesas também cresceram na mesma proporção, por isso o lucro segue projetado em R$ 20 milhões.

Compartilhe