Tecnologia

Samsung Ads apresenta dados de consumo dos fãs de esportes em Smart TVs

O estudo mostra um mapa do consumo de esportes trazendo insights de como as marcas podem se conectar com o público

Samsung Ads apresenta dados de consumo dos fãs de esportes em Smart TVs

25 de outubro de 2023

2 minutos de Leitura

Buscando compreender os padrões de consumo e como as marcas podem se conectar com a audiência diversificada do esporte, o Samsung Ads, braço de publicidade da Samsung Electronics, apresentou um estudo com um olhar detalhado sobre o cenário do consumo esportivo nas Smart TVs da marca no Brasil.

Abordando especificamente o fã, o TOP 10 dos esportes mais praticados incluem caminhada (19%), futebol (13%), ciclismo (8%), artes marciais e lutas (7,7%), corrida (7,5%), dança (6,7%), vôlei (4,4%), natação (4%), basquete (3%) e skate (2,5%).

Além disso, 52% das mulheres são mais ativas e participativas na prática esportiva, em comparação com 48% dos homens.

Foi revelado também que 96% dos consumidores de esportes acreditam que a melhor maneira de assistir a conteúdo esportivo é em casa, seguido pela casa de amigos ou parentes, com 15%.

Além disso, 22% dos fãs de esportes possuem algum artigo esportivo em casa, com 8,5% deles comprando produtos relacionados a esportes nos últimos 12 meses¹.

CTV: o lugar de encontro de todos os fãs

Os consumidores de esportes estão altamente engajados e representam 57% da base de Smart TVs Samsung ativas e conectadas, com 38% deles assistindo a mais de um tipo de esporte regularmente e 67% assistindo a conteúdos esportivos em canais tradicionais lineares (abertos ou pagos).

Quando se pensa em esporte favorito, o futebol lidera. Os fãs usam, em média, três plataformas diferentes entre linear, streaming e games por mês para satisfazer suas paixões devido à hiperfragmentação da oferta de esportes.

Consumo no linear

Na TV linear (aberta ou fechada), 67% do consumo de esportes acontece com uma média de 5 modalidades consumidos por mês, sendo o futebol o líder absoluto, com 94%, seguido por futebol americano (29%), automobilismo (28%), MMA (8%) e basquete/motovelocidade (5%).

Os “Heavy Sports Lovers” – como a plataforma os intitulou – dedicam uma média de 20 horas por mês por dispositivo, mostrando o alto nível de engajamento².

Consumo no Streaming

O consumo de esportes no streaming é diretamente afetado pela disponibilidade do gênero nas plataformas.

O futebol continua sendo o esporte mais consumido e os jogos ao vivo são uma prioridade, com 84% do tempo dedicado a eles.

Compartilhe