Com consultoria da Thymos Energia, Coritiba inicia projeto sustentável

A iniciativa visa a implementação de energia renovável no Centro de Treinamento e no Estádio Couto Pereira

janeiro 5, 2024

Coritiba anunciou projeto de sustentável que tem o objetivo de reduzir a liberação de dióxido de carbono para a atmosfera. A iniciativa visa a implementação de energia renovável no Centro de Treinamento e no Estádio Couto Pereira.

Planejada em parceria com a Thymos Energia, o plano visa impedir a emissão de 50 toneladas anuais do composto, que é um dos principais causadores do aquecimento global.

De acordo com estudos da parceira do Coxa, esse total de emissões evitadas corresponderia a 300 árvores cultivadas ou a retirada de circulação de 50 carros movidos à gasolina. Atualmente, o clube paranaense consome aproximadamente 1.000 MWh de energia elétrica por ano.

A escolha por energia renovável faz parte da nova gestão do Coritiba que, em junho do ano passado, concluiu a venda da SAF para a Treecorp.

“As empresas ao redor do mundo atualmente estão engajadas em adotar medidas que minimizem os impactos causados no meio ambiente. Vejo como fundamental um clube com a estrutura do Coritiba estar alinhado a esse comportamento, ser exemplo e estimular outros a olharem o tema com maior responsabilidade”, afirmou André Campestrini, Diretor Financeiro do Coritiba.

“A ida ao mercado de energia é o caminho natural e que possibilitará a maior economia ao Coritiba, levando a redução de custos com o insumo. Além disso, a opção por energia renovável está em linha com a sustentabilidade, o uso dessas fontes tem sido uma das vias mais adotadas por empresas em todo o mundo para reduzir emissões”, disse Nilton Lima, responsável pelo setor de energia da Thymos.

Compartilhe: