Polar apresenta relatório com dados e tendências sobre atividade física, esportes e hábitos de sono em 2023

O levantamento da marca de wearables esportivos revela números e tendências dos usuários nos últimos 12 meses

janeiro 19, 2024

A Polar, líder mundial em wearables e tecnologia de frequência cardíaca, apresentou um balanço do seu consumo em 2023. Ele releva números importantes sobre os hábitos de atividade física, esportes e sono dos seus usuários ao redor do mundo, inclusive entre os seus consumidores brasileiros.

Tendo a corrida e caminhada como as modalidades mais realizadas, o levantamento confirma que a atividade física de forma moderada é uma das principais tendências para manter uma rotina saudável e o corpo ativo.

Em 2023, a corrida representou 19% de todos os treinos monitorados pelos usuários Polar ao redor do mundo, e os corredores percorram, em média, 7,8km por treino.

Já no Brasil, essa média de distância por treino ficou um pouco atrás, em 7,1km. Com relação a distância da maratona, o tempo médio de conclusão entre os atletas foi de 4h e 10 minutos, e os top 5 perfis esportivos mais utilizados pelos usuários brasileiros foram (nessa ordem): Treino de Força, Corrida, Caminhada, Corrida em esteira e Ciclismo.

Os treinos de caminhada somam quase 16% dos usuários mundialmente. Em média, os praticantes de todas as faixas etárias percorrem 4,4km ao longo de 65 minutos. Os dados mostram que as pessoas atingiram o ritmo e a quantidade de tempo necessárias para obterem os benefícios para saúde, além dos números também corresponderem ao ritmo e à cadência média sugeridos por estudos publicados pela British Journal of Sports Medicine sobre a modalidade.

“Abraçar a atividade física de intensidade moderada não é apenas um passo em direção a um corpo mais saudável, é um passo para uma vida mais feliz”, disse o doutor Dr. Raija Laukkanen, do Centro de pesquisa da Polar.

“Qualquer pessoa que siga um estilo de vida ativo poderá encontrar motivação e orientação através de dispositivos Polar e por meio dos nossos recursos inteligentes de treinamento, como o teste de caminhada e o de corrida, projetados para atender todos os níveis de condicionamento físico em busca de uma rotina mais saudável”, acrescentou.

Com o aumento da conscientização das pessoas na relação entre atividade física e dormir bem, mais pessoas em todo o mundo também estão utilizando relógios para obter informações sobre a qualidade da sua noite de sono. O relatório de 2023 revela que usuários da Polar estão dormindo, em média, a quantidade recomendada, acordando às 7h e indo para a cama às 23h30.

Entre os usuários brasileiros, entretanto, vemos uma mudança de comportamento: a população desperta mais cedo – em média, às 6h43 – e dorme um pouco mais tarde também – às 23h36. Este monitoramento é feito através da tecnologia Nightly Recharge™, que mede a recuperação noturna do usuário aos estresses do treino e do dia a dia.

O relatório foi baseado nos números de milhões de usuários Polar em todo o mundo e fornece uma referência que oferece aos atletas a oportunidade de comparar seus dados de treino, atividade e sono com diferentes tendências em seu país e no mundo.

Compartilhe: