Indústria

Instituto Superação: Formação pelo Esporte cresce 133%

ONG atua em 70 escolas públicas de SP e MG, promovendo o desenvolvimento socioemocional pelo esporte para cerca de 2.350 crianças e adolescentes

Instituto Superação: Formação pelo Esporte cresce 133%

15 de fevereiro de 2024

2 minutos de Leitura

O Instituto Superação: Formação pelo Esporte, organização não governamental (ONG), que tem como missão contribuir com a formação pessoal de crianças e adolescentes, desenvolvendo competências socioemocionais por meio da integração entre a educação e o esporte, obteve crescimento de 133% no atendimento às escolas públicas de São Paulo e Minas Gerais nos últimos 18 meses.

Com atuação em 70 unidades públicas de ensino, o Instituto Superação está presente em 13 municípios dos estados de SP e MG.

Ao longo de 2023, o Instituto Superação atendeu cerca de 2.350 crianças e adolescentes, com a realização de mais 15.540 horas de atividades esportivas no contraturno escolar com 10.343 treinos de basquete e handebol. As aulas ocorrem sob a orientação de profissionais de educação física qualificados pelo Método DNA Superação.

O método, criado pelo Instituto, atrela o desenvolvimento esportivo e socioemocional, por isso, durante os treinos os alunos e alunas-atletas da organização aprendem a ganhar, a perder e a dar sempre o seu melhor. Isso tem contribuído inclusive com a evolução acadêmica dos alunos.

“Nós temos três indicadores de impacto e os resultados de 2023 são surpreendentes. Tivemos uma evolução acadêmica de 16% em Matemática e 16% em Língua Portuguesa, para os alunos-atletas de São Paulo; e 8% em Matemática e 7% em Língua Portuguesa para os alunos-atletas de Minas Gerais. Também tivemos Evolução Esportiva de 77% e uma Evolução Socioemocial de 67,8%”, disse Joana Miraglia, diretora geral do Instituto Superação.

Criada em 2016, a organização promove acesso à prática esportiva saudável e positiva para crianças e adolescentes do ensino fundamental II, que praticam os treinos de basquete e handebol, sob a orientação de profissionais de educação física qualificados pelo Instituto.

“Temos a meta de até o final de 2024 ampliar ainda mais a nossa atuação, com o atendimento a 80 escolas da rede pública de ensino”, finalizou Joana.

Compartilhe