Futebol

Major League Soccer anuncia nova política de antidiscriminação

A nova medida foca em práticas restaurativas, priorizando a educação, a prevenção e a sensibilização cultural

Major League Soccer anuncia nova política de antidiscriminação
Foto: Divulgação

20 de fevereiro de 2024

2 minutos de Leitura

A Major League Soccer (MLS) e a associação de jogadores da liga (MLSPA) anunciaram nova política de antidiscriminação que entrará em vigor na temporada 2024.

A nova medida foca em práticas restaurativas, priorizando a educação, a prevenção e a sensibilização cultural.

Além da MLS e da MLSPA, a Black Players for Change (BPC) também atuará em estreita colaboração com o desenvolvimento da nova política, assim como no auxílio da concepção “Playing as One“, programa de treinamento de conscientização intercultural obrigatório da liga.

Atualmente, a Major League Soccer conta com jogadores de mais de 80 países. Dessa maneira, é fundamental que os atletas tenham espaço para expressar as suas identidades culturais e desenvolvam conhecimento sobre a diversidade dos colegas de profissão, para evitar comportamentos inadequados.

“Quero agradecer à MLSPA e à Black Players for Change por compartilharem o compromisso da MLS de fazer o trabalho árduo de reforçar a organização como uma liga inovadora. Nosso objetivo é inspirar e atrair os melhores jogadores do mundo, garantindo que também tenhamos o melhor ambiente para esses atletas”, comentou a Diretora de Engajamento e Inclusão da MLS, Sola Winley.

Compartilhe