Indústria

Com faturamento bruto acima de R$ 540 milhões, Penalty celebra desempenho histórico em 2023

Marca teve crescimento de receita bruta no Brasil de 14% e se destaca no cenário esportivo brasileiro

Com faturamento bruto acima de R$ 540 milhões, Penalty celebra desempenho histórico em 2023
Roberto Estefano, fundador da Penalty

05 de março de 2024

3 minutos de Leitura

O Grupo Cambuci, dono da Penalty, marca referência em artigos esportivos, divulgou hoje os resultados da empresa referentes ao ano passado. A empresa registrou seu melhor desempenho histórico, com um faturamento bruto consolidado que atingiu R$ 540,5 milhões, representando um aumento de 5,1% em comparação com o ano anterior, que totalizou R$ 514,3 milhões.

Considerando apenas o faturamento bruto no Brasil, o crescimento foi de 14% em relação a 2022.

A receita líquida de 2023 alcançou R$459,2 milhões, superando em 4,3% os R$440,4 milhões de 2022. No mercado brasileiro, o crescimento foi ainda mais expressivo, atingindo 13,6% em relação ao ano anterior. Já o lucro bruto do ano (2023) atingiu R$217,6 milhões, com uma margem de 47,4%, destacando-se aos R$198,1 milhões e aos 45% de 2022.

“A empresa tem 78 anos de história começando lá em 1945 como uma malharia familiar e é incrível poder observar esse crescimento. Em 2023 batemos nosso recorde de faturamento e temos crescido cada vez mais. Atribuo isso à nossa busca constante para a expansão da base de clientes, que teve um aumento de 13,7% em 2023, graças ao portfólio abrangente que atende diversas faixas de renda dos nossos consumidores e ao nosso foco em qualidade, tecnologia e design. O controle de estoques e a austeridade no controle de custos e despesas também têm levado a Penalty a novos níveis”, destaca Roberto Estefano, fundador da Penalty e Presidente do Conselho Administrativo da Cambuci S.A

O EBITDA, lucro obtido antes do resultado financeiro, da depreciação e do imposto de renda, em 2023, aumentou em R$ 10,80 milhões em comparação com 2022. A margem EBITDA consolidada também apresentou melhoria: passando de 22,6% em 2022 para 24,0% em 2023.

Além de três fábricas na região nordeste (duas na Bahia e uma na Paraíba), a Penalty possui um centro de desenvolvimento em São Roque, interior de São Paulo. No exterior, a empresa está presente em 19 países e conta, atualmente, com quase 3000 colaboradores que atendem a 22 modalidades esportivas.

Com meio século de experiência no setor, a Penalty transformou as suas estratégias de investimento no universo esportivo. No cenário do futebol brasileiro, destaca-se como participante ativo nos principais torneios, sendo a bola oficial em competições como o Campeonato Paulista, Carioca e Copa do Nordeste. Na Copa do Brasil, sua visibilidade é ampliada por meio de placas de LEDs, assim como no Brasileirão Série A e B. Além disso, a empresa é parceria do Novo Basquete Brasil (NBB), Bauru Basket, Magnus Futsal, Esporte Clube Taboão e Vôlei Renata.

No âmbito da tecnologia aplicada às bolas, a Penalty está entre as principais referências no cenário esportivo global. Com uma média de quase quatro milhões de unidades vendidas anualmente, a marca integra um grupo de estudos da FIFA, dedicado ao constante aprimoramento das propriedades tecnológicas dos materiais utilizados nos melhores campeonatos do mundo.

A marca ainda possui certificação internacional nas entidades máximas de voleibol e basquetebol.

“Estamos entusiasmados e empenhados em manter o crescimento ao longo de 2024. Sou muito grato a todos os membros da equipe e parceiros comerciais, que foram cruciais para atingirmos esses resultados excepcionais”, finaliza Roberto.

Compartilhe