Sneakers

Os 5 Tênis Nike Air Jordan Mais Caros Já Vendidos no Mundo

Os Tênis Air Jordan Mais Valiosos: Recordes de Preço e Histórias Icônicas

Os 5 Tênis Nike Air Jordan Mais Caros Já Vendidos  no Mundo

10 de junho de 2024

4 minutos de Leitura

Os tênis Air Jordan, além de serem um ícone de estilo e desempenho, se tornaram verdadeiros tesouros no mercado de colecionáveis. Com a combinação da lenda do basquete Michael Jordan e o design inovador da Nike, alguns modelos atingiram preços astronômicos em leilões. O valor foi convertido em Reais na cotação de hoje ( 10/06/2024 ). Aqui estão os cinco tênis Air Jordan mais caros já vendidos no mundo:

1. Air Jordan 13 “Bred” — R$11 milhões (2023)

O Air Jordan 13 “Bred” é o par de tênis mais caro já vendido, alcançando a impressionante marca de $2,2 milhões em 2023. Michael Jordan assinou este par após usá-lo no Jogo 2 das Finais da NBA de 1998. Essa série culminou em uma icônica cesta vencedora de Jordan, consolidando ainda mais o valor histórico deste par. Esta venda recorde destaca a importância dos momentos finais da carreira de Jordan com os Bulls.

2. Air Jordan 12 “Flu Game” — R$7,3 milhões (2023)

O Air Jordan 12 “Flu Game” foi vendido por $1,38 milhões em 2023. Este par foi usado por Michael Jordan durante sua lendária performance de 38 pontos enquanto lutava contra uma doença no Jogo 5 das Finais da NBA de 1997. Este jogo é considerado um dos mais memoráveis da carreira de Jordan, e não é surpresa que os tênis usados nesse jogo tenham atingido um preço tão alto.

3. Air Jordan 1 “Chicago” — R$3,5 milhões (2022)

O Air Jordan 1 “Chicago” de 1986, assinado por Jordan, foi vendido por $675,000 em 2022. Este par foi usado por Jordan após seu retorno de uma lesão e apresenta a sola do Nike Dunk, que oferecia uma base mais macia e ampla. Os tênis foram usados em uma derrota fora de casa para os Bucks, adicionando uma camada de história a este par valioso.

4. (Empate) Air Jordan 1 “Shattered Backboard” — R$3,2 milhões (2020)

Os Air Jordan 1 “Shattered Backboard” foram vendidos por $615,000 em 2020. Embora a versão lançada em 2015 apresente as cores laranja, branco e preto, o par original que inspirou o design foi usado por Jordan em um jogo de exibição na Itália em 1985, onde ele quebrou a tabela. Após o jogo, Jordan presenteou o capitão do time adversário com os tênis, que posteriormente inspiraram o lançamento de 2015.

5. (Empate) Air Jordan 1 “Chicago” — R$3,2 milhões (2021)

Outro par do Air Jordan 1 “Chicago” foi vendido por $615,000 em 2021. Este par foi assinado por Jordan em duas ocasiões diferentes. A primeira assinatura foi quando ele deu os tênis a Gene Banks, seu colega de equipe dos Bulls na temporada 1985-86. Banks presenteou os tênis a Rick Lozano, um comentarista esportivo, que entrevistou Jordan durante as Finais da NBA de 1991. Jordan assinou os tênis novamente, adicionando a nota “1st pair” (primeiro par).

Curiosidade Extra

Air Jordan 7 “Olympic” — R$2,2 milhões (2023)

O Air Jordan 7 “Olympic” é outro par de tênis notável, vendido por $420,000 em 2023, ocupando o Nono Lugar nos mais caros da história. Este par de tênis assinados foi usado no mesmo torneio pré-olímpico que o mencionado acima. Após o torneio, Jordan deu os tênis ao seu companheiro de equipe do Dream Team, Karl Malone. Malone, por sua vez, exibiu os tênis junto com muitos outros colecionáveis do Dream Team em sua concessionária de carros em Utah.

Conclusão

Os tênis Air Jordan não são apenas calçados esportivos; eles são peças de história, representando momentos icônicos da carreira de Michael Jordan. O valor desses tênis no mercado de colecionáveis reflete não apenas a habilidade de Jordan nas quadras, mas também sua influência duradoura na cultura pop e no mundo dos esportes. Cada par vendido conta uma história única, consolidando ainda mais o legado do maior jogador de basquete de todos os tempos.

Compartilhe