Redes Sociais

UEFA lança canal no YouTube dedicado ao futebol feminino

Embarcando no conceito #WePlayStrong, entidade utilizará famosas jogadoras para oferecer conteúdos regularmente

22 jan, 2019

A UEFA deu mais um passo em prol do crescimento do futebol feminino em todos seus escalões e lançou uma nova frente de conteúdo em parceria com o YouTube. Embarcando no seu conceito #WePlayStrong, a entidade utilizará famosas jogadoras para oferecer materiais regularmente.

A iniciativa visa aumentar a participação do futebol feminino em cada um dos seus 55 países membros. O canal fornecerá conteúdo original com foco em insights diários sobre as rotinas e meios de subsistência das atletas, além de dicas de exercícios e desafios. Ele também abrirá espaço para jogadoras de diversos continente contarem suas próprias histórias.

Participarão do canal: Petronella Ekroth, zagueira sueca que atua na Juventus, Shanice van de Sanden, do Lyon, Lisa Evans, do Arsenal, a alemã Eunice Beckmann, a austríaca Sarah Zadrazil, além da campeã mundial de freestyle Liv Cooke.

“Eu mal posso esperar para começar e compartilhar minhas experiências de mudança para a Juventus, especialmente porque estou tentando dominar um novo idioma. Espero que as pessoas gostem e também sejam inspiradas a começar sua própria jornada pelo futebol”, destacou Ekroth.

“O canal #WePlayStrong é uma plataforma projetada para inspirar meninas e mulheres ao redor do mundo. Nosso objetivo é não apenas tornar o canal uma plataforma digital próspera, mas também uma comunidade inclusiva e solidária”, disse Guy-Laurent Epstein, diretor de marketing da UEFA.

“Em um mundo onde o YouTube desempenha um papel enorme na vida de meninas e mulheres, estamos orgulhosos de ter adicionado três mulheres futebolistas mais inspiradoras no nosso canal, e estamos ansiosos para compartilhar suas viagens profissionais e pessoais”, completou Epstein.

Sobre as ações da UEFA com foco no futebol feminino, o MKTEsportivo destacou em dezembro o acordo firmado com a Visa até 2025. A empresa se tornou a primeira patrocinadora específica da entidade para o futebol feminino. Já em maio, foi a vez da cantora Rita Ora ter sua turnê patrocinada pela UEFA como forma de incentivar a prática de esporte entre as mulheres.