Indústria

Champions League e Europa League definem sedes com jogos únicos até final

Torneios terão regulamentos diferentes do que vem sendo comum nas competições nos últimos anos

17 jun, 2020

A Uefa definiu uma série de questões relacionadas aos seus torneios em encontro realizado nesta quarta-feira (17). Ficou definido que Champions League e Europa League terão regulamentos diferentes do que vem sendo comum nas competições nos últimos anos.

O chamado “superagosto” realmente ocorrerá. Com os torneios nacionais terminando até o final de julho, a Uefa escolheu o mês de agosto para dar prosseguimento e encerrar as temporadas 2019/2020 de seus dois principais torneios de seleções.

A Champions League retornará nos dias 7 e 8 de agosto, com as partidas de volta das oitavas de final que não foram disputadas em março. Com os quadrifinalistas definidos, o torneio terá quartas de final, semifinais e final realizadas em sistema de jogo único entre 12 e 23 de agosto. Para estas três fases, ficou definido que Lisboa, em Portugal, servirá como sede única, com as casas do Benfica (Estádio da Luz) e do Sporting (Estádio José Alvalade) recebendo as partidas com portões fechados.

A grande final será em 23 de agosto, no Estádio da Luz, que já havia recebido a decisão do torneio na temporada 2013/2014, quando o Real Madrid bateu o Atlético de Madrid por 4 a 1 na prorrogação.

Já a Europa League retornará nos dias 5 e 6 de agosto, com as partidas de volta das oitavas de final que não foram disputadas em março. Com os quadrifinalistas definidos, o torneio terá quartas de final, semifinais e final realizadas em sistema de jogo único entre 10 e 21 de agosto. Para estas três fases, ficou definido que a Alemanha servirá como sede única, com quatro cidades (Colônia, Duisburg, Dusseldorf e Gelsenkirchen) recebendo as partidas com portões fechados. A grande final será em 21 de agosto, no Rhein Energie Stadion, em Colônia.

Segundo a Uefa, a cidade de Gdansk (Polônia), que receberia a final da temporada, passará a fazê-lo na temporada 2020/2021. Dessa forma, as sedes das finais seguintes, que já haviam sido definidas, também terão suas datas adiadas em um ano, ficando Sevilla (Espanha) em 2021/2022 e Budapeste (Hungria) em 2022/2023.