Indústria

Havaianas é a nova parceira do Comitê Olímpico e Paralímpico do Brasil

Marca desenvolverá produtos para os atletas da delegação do país para os Jogos de Tóquio

21 set, 2020

A Havaianas é a nova patrocinadora do Comitê Olímpico (COB) e Paralímpico (CPB) do Brasil. A empresa fornecerá chinelos e sandálias para a delegação brasileira no desfile de abertura Jogos de Tóquio. No caso do evento paralímpico, o uso dependerá do lançamento de produtos especiais para amputados.

Além da Havaianas, a marca Wöllner também tem acordo com o COB para o vestuário dos atletas, sem envolver calçados.

Fora o investimento financeiro, a Alpargatas, dona da Havaianas, realizará ativações para o público e desenvolverá produtos licenciados com a marca do Time Brasil, que reverterá em royalties para o comitê.

“É com muito orgulho que temos uma marca como Havaianas no nosso rol de patrocinadores. A Cerimônia de Abertura é o cartão de visita da delegação nos Jogos. E nada mais autêntico e brasileiro do que calçar Havaianas”, disse o diretor-geral do COB, Rogério Sampaio.

“Os valores do Time Brasil como criatividade, diversidade e o desejo de levar o melhor do Brasil para o mundo nos conectam diretamente com a Havaianas. A relação com Havaianas já começa inovadora, porque é a primeira vez que os pés do desfile de abertura são comercializados. Isso mostra o potencial que temos pela frente”, completou Manoela Penna, Diretora de Comunicação e Marketing do COB.

Para o CPB, o investimento financeiro será menor. Como muitos atletas são cadeirantes ou amputados dos pés, os produtos terão maior complexidade, desta maneira, o projeto especial será apresentado mais adiante.

“Havaianas é uma marca referência em todo o mundo, que possui missão e valores semelhantes aos do Comitê Paralímpico Brasileiro. Temos muito orgulho de selar este vínculo neste momento, o que agrega ainda mais valor à seriedade do trabalho dos atletas e comissões técnicas. E reforça a confiança deste comitê na nossa campanha nos tão esperados Jogos de Tóquio-2020”, disse diz Mizael Conrado, presidente do CPB.

Por parte do COB, o patrocínio da Havaianas reforça o momento da entidade com o mercado, após ter sofrido sem marcas no período posterior ao dos Jogos Olímpicos do Rio. A Havaianas se junta a Ajinomoto, Estácio e Peak na lista de patrocinadores oficiais do Comitê Olímpico do Brasil, todos garantidos até os Jogos de Tóquio.