Indústria

Fundo de investimentos adquire 12.5% de participação nos All Blacks

A New Zealand Rugby Union (NZR) chegou a um acordo com o Silver Lake

29 abr, 2021

A New Zealand Rugby Union (NZR) chegou a um acordo com o fundo de investimento Silver Lake para negociar 12.5% de sua marca comercial por US$ 280 milhões. A empresa avalia os direitos comerciais dos All Blacks em US$ 2.230 bilhões.

A medida visa minimizar os impactos causados pela Covid, que levou o time a um déficit de 18.7 milhões de dólares neozelandeses (€ 11.2 milhões) em 2020. Nas negociações com o fundo americano, que possui participações no Manchester City e no New York Knicks (NBA), a NZR convenceu as 26 federações provinciais e o Mori Rugby Board. No entanto, os jogadores se posicionaram contra o movimento.

A Nzrpa, a associação dos atletas dos All Blacks, se manifestou contra o acordo e as reuniões com a federação foram temporariamente suspensas. Os jogadores se preocupam com a forma como a privatização de sua marca pode afetar o relacionamento com os torcedores da Nova Zelândia e querem garantias de que o haka, seu grande ritual de pré-jogo, será protegido.

“Os jogadores são uma parte chave, mas temos que olhar o que está certo em todos os aspectos do jogo, em todo o nosso ecossistema”. Esperamos que a Nzrpa perceba a importância da oportunidade que temos diante de nós”, comentou o presidente da NZR, Brent Impey.