Casas de apostas perdem milhões com saída precoce de Draymond Green

Mesmo lesionado, o jogador quis marcar presença no retorno de Klay Thompson e atuou por apenas sete segundos

janeiro 13, 2022

Os sete segundos em quadra de Draymond Green para marcar presença no retorno de Klay Thompson, fora da NBA por um longo período, provocou polêmica na comunidade de apostas e fez com que as empresas atrasassem os pagamentos até investigar a enxurrada de apostas que foram feitas pouco antes do início do jogo.

Green sentiu a panturrilha no aquecimento, mas quis começar o jogo do Golden State Warriors contra o Cleveland Cavaliers entre os titulares como uma forma de homenagem ao retorno do camisa 11. No entanto, a notícia de que o ala-pivô começaria a partida, mas sairia em seguida, foi confirmada alguns minutos antes da bola subir, através do perfil dos Warriors no Twitter. Neste momento, diversos apostadores correram para apostar antes que os sites de apostas conseguissem remover suas ofertas de pagamento envolvendo Green. O maior volume ocorreu 10 minutos antes do começo da partida.

A FanDuel, por exemplo, conseguiu remover todas as ofertas envolvendo o jogador, mas outras não tiveram o mesmo sucesso. A DraftKings obteve um prejuízo milionário e divulgou um comunicado afirmando que as apostas em Green no jogo estavam “sob revisão e os acordos de apostas estavam atualmente suspensos aguardando uma investigação”. Posteriormente, ela anunciou que as apostas vencedoras envolvendo o atleta estavam sendo consideradas e que as apostas superiores também seriam reembolsadas.

Já casas de apostas como Caesars, BetMGM e PointsBet pagaram prontamente as apostas inferiores em Green como vencedores.

“A situação de Draymond Green foi única, mas nossa equipe de negociação fica de olho nos jogos e nas notícias”, disse Kevin Hennessy, diretor de publicidade da FanDuel.

A ESPN destaca que o setor registrou um prejuízo de mais de US$ 1 milhão.