Futebol

PSG anuncia que deixará o Parc des Princes

Após diversas tentativas de negociação com a Prefeitura de Paris, o clube decidiu buscar uma nova casa

PSG anuncia que deixará o Parc des Princes
Foto: Shutterstock

10 de fevereiro de 2024

2 minutos de Leitura

O Paris Saint-Germain (PSG), através do Presidente Nasser Al-Khelaifi, anunciou o plano de deixar o estádio Parc des Princes (Parque dos Príncipes).

De acordo com o comunicado, a Qatar Sports Investments (grupo proprietário do time francês), tentou comprar o estádio e expandi-lo para aumentar as receitas das partidas, porém não obteve sucesso durante as negociações.

“É muito fácil dizer agora que o estádio não está mais à venda. Sabemos o que queremos, perdemos anos tentando comprar. Agora é mais fácil para nós. Queremos sair do Parc”, disse Al-Khelaifi.

“Uma venda não é desejável, porque seria uma decisão sem volta. É por isso que temos que descartar a venda do Parc hoje. Não queremos vender o legado de Paris”, comentou disse o vice-prefeito de Paris, Pierre Rabadan.

O clube não estabeleceu um prazo para deixar o estádio, mas está explorando três locais alternativos para uma nova casa. O primeiro é o Stade Jean-Bouin, que pertence à cidade de Paris e é sede da equipe feminina do clube, o estádio Sebastien Charlety e a Paris La Defense Arena também estão sendo considerados.

O PSG havia explorado um acordo para o Stade de France, mas desistiu da proposta por não ser adequada, justificando razões logísticas, financeiras e culturais.

Compartilhe