Indústria

Derrota da Inglaterra foi o evento mais assistido do ano na Tv britânica

Semifinal da Copa do Mundo de Futebol Feminino bateu a final da Champions League, que tinha Tottenham e Liverpool em campo

3 jul, 2019

Pode esquecer o recorde de  7.6 milhões de espectadores britânicos que assistiram ao duelo entre Inglaterra e Noruega, válido pelas quartas de final da Copa do Mundo de Futebol Feminino, na BBC. A emissora divulgou que 11.7 milhões de pessoas assistiram ao vivo a semifinal entre as Lionesses e os Estados Unidos. Trata-se do evento de televisão britânico mais assistido do ano.

Segundo o canal, o número superou a soma da audiência digital e televisiva da BT Sport na final da última edição da UEFA Champions League, que dois ingleses em campo. Na ocasião, foram 6.5 milhões de torcedores na Tv e outros 4.8 milhões no streaming.

Leia também: Copa do Mundo feminina segue batendo recordes de audiência

A assessoria de imprensa da BBC Sport confirmou ao Daily Telegraph que o pico de 11.73 milhões de telespectadores e 51% dos televisores sintonizados na semifinal durou cinco minutos. A audiência média foi de 8.8 milhões, com uma participação de 43%.

Para efeito comparativo, o jogo que mais rendeu audiência em território britânico no Mundial Feminino anterior, disputado em 2015, foi também na semifinal, na derrota inglesa para o Japão. Na ocasião, o pico foi de 2.4 milhões de telespectadores, com uma média de 1.7 milhão de pessoas.

Antes da partida, a BBC divulgou que havia batido a marca de 22.2 milhões de telespectadores no Mundial, um número bem superior aos 12.4 milhões registrados durante a Copa do Mundo Feminina de 2015, no Canadá. No total, a Fifa espera atingir 1 bilhão de telespectadores até a final do torneio, no dia 7 de julho.

Com a vitória por 2 x 1 sobre as inglesas, os Estados Unidos agora esperam o vencedor de Holanda x Suécia, marcado para esta quarta-feira (3), para conhecer o adversário na grande decisão da Copa feminina.