Com VaideBet, Corinthians oficializa o maior patrocínio da história do futebol brasileiro

Empresa de apostas investirá um total de R$ 370 milhões nos próximos três anos, sendo R$ 120 milhões por temporada e outros R$ 10 milhões de luvas.

janeiro 7, 2024

O Corinthians oficializou, na manhã deste domingo (7), o maior patrocínio da história do futebol brasileiro. A VaideBet investirá um total de R$ 370 milhões nos próximos três anos, sendo R$ 120 milhões por temporada e outros R$ 10 milhões de luvas.

O acordo contempla exposição nas camisas do futebol masculino, feminino e das equipes de futsal e basquete.

“Estamos muito felizes em trazer para o Corinthians o maior patrocínio da história do futebol brasileiro, resultado de negociações que começaram ainda durante a campanha. Sempre batemos na tecla de que o Corinthians tem a maior marca do futebol sul-americano e uma das maiores do mundo. Então insisto: ninguém pode pensar pequeno neste clube. Aos poucos vamos recuperar e credibilidade, o protagonismo e devolver o Corinthians para os corinthianos”, disse o presidente Augusto Melo

“Patrocinar o Corinthians é patrocinar não só uma das principais instituições do Brasil, mas também um clube com uma história muito bonita e uma torcida reconhecidamente apaixonada, engajada e única. É um marco histórico para a VaideBet, que nós planejamos por meses e conseguimos concretizar agora. Estar ao lado do Corinthians e da Fiel é tudo que gostaríamos para a estratégia da VaideBet para os próximos anos e estamos muito felizes por termos firmado essa relação. Sabemos que os valores são expressivos e esperamos que possamos, juntos, ajudar o Corinthians a chegar ainda mais longe”, acrescentou André Murilo, CFO da VaideBet.

O contrato é tão valioso, que a Hypera Pharma, que até então estampava a Vitaminas Neo Química no máster da camisa, paga anualmente R$ 22 milhões ao clube.

Com o Timão, a VaideBet, que tem o cantor Gusttavo Lima como embaixador, faz a sua estreia no futebol brasileiro.

E o acordo com a Pixbet?

Na coletiva de anúncio do novo patrocinador, o presidente Augusto Melo afirmou que a VaideBet irá arcar com a multa rescisória de R$ 20 milhões da Pixbet, cujo contrato encerrava em 2025. Além disso, o mandatário já adiantou que duas parcelas da mesma já foram pagas.

Compartilhe: